Índice Índice Filtro de Data Texto integral
Exibir norma até uma data específica
Enviar Por Email Imprimir PDF
LEI ORDINÁRIA Nº 6087, DE 12 DE AGOSTO DE 2013
Altera atribuições do cargo de provimento em comissão de assessor de comunicação e serviços de apoio da Câmara Municipal de Frutal.
De autoria da Mesa Diretora

O Prefeito do Município de Frutal, com a competência que lhe é atribuída pela Lei Orgânica Municipal, sanciona a seguinte Lei decretada pela Câmara Municipal:
Art. 1º O cargo de provimento em comissão denominado Assessor de Comunicação e Serviços de Apoio, constante no Plano de Cargos e Vencimentos da Câmara Municipal de Frutal, cujas atribuições estão contidas no Anexo XVII da Lei Municipal nº 5066/04; no Anexo II da Lei Municipal nº 5.536/09; no Anexo II da Lei Municipal nº 5.935/2012; e no Anexo II da Lei Municipal nº 6.041/2013, passa a ter as atribuições contidas no Anexo desta Lei.
Art. 2º  Revogadas as disposições em contrário, esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.
Prefeitura Municipal de Frutal
Aos 12 de agosto de 2013 
 125 (cento e vinte e cinco) anos de Emancipação do Município de Frutal.
Mauri José Alves
Anexo I
Descrição das Tarefas do Cargo de Assessor de Comunicação e Serviços de Apoio


 
Denominação do cargo:
 
Natureza
Assessor de Comunicação e Serviços de Apoio
Comissionado
Forma de Recrutamento
Nível de Vencimento
Amplo
36
 
 
 
Principais Atribuições: 
Assessorar os Vereadores nos assuntos em suas relações político-administrativas com os munícipes, órgãos e entidades públicas e privadas e associações de bairro e classes
Redigir atas de reuniões
Cuidar das relações dos vereadores com a imprensa
Elaborar e redigir toda matéria de acontecimentos e informações da Câmara para encaminhamento a imprensa
Divulgar atividades internas e externas da Casa
Operar os sistemas de vídeo e som do Plenário da Câmara
Manter atualização do site da Câmara
Acompanhar os vereadores em visitas externas, fotografando ou filmando os acontecimentos
Manter arquivo dos assuntos de interesse do Município
Executar outras tarefas correlatas
 
Escolaridade mínima exigida: Ensino médio
 
Aptidões necessárias: Boa educação, dinamismo e responsabilidade
 
Responsabilidades: Pelo assessoramento aos Vereadores não componentes da Mesa da Câmara
* Este texto não substitui a publicação oficial.